Imprensa

Arranca processo de recepção de candidaturas para as eleições de Outubro

Arranca processo de recepção de candidaturas para as eleições de Outubro

Arrancou, esta terça-feira, no Centro Internacional de conferências Joaquim Chissano, em Maputo o processo de recepção de candidaturas para deputados da Assembleia da República e a membros das Assembleias províncias.

No processo, com duração de um mês, a Comissão Nacional de Eleições espera que, este ano, todos os partidos inscritos, apresentem as suas candidaturas a tempo.

O porta-voz da CNE, Paulo Cuinca, disse estar tudo aposto para que o processo decorra sem sobressaltos.

Entretanto, nesta segunda-feira, o Partido Central de Moçambique, PCM, tentou, sem sucesso, submeter a sua candidatura para oito círculos eleitorais incluindo a cidade de Maputo. 

Segundo o vogal da CNE, Rodrigues Timba, a candidatura foi rejeitada, pelo menos, a esta fase, por falta dos requisitos processuais para a ocupação dos mandatos da Assembleia da República pelo círculo eleitoral da cidade de Maputo.  

O Mandatário e presidente do PCM, Ambrósio dos Santos Tolége, diz que faltou clareza da CNE na divulgação dos requisitos. (RM)