Imprensa

PR encerra quadragésimo Curso Básico da Polícia

PR encerra quadragésimo Curso Básico da Polícia

O Presidente da República, Filipe Jacinto Nyusi, procedeu hoje, ao encerramento do 40º Curso Básico da Polícia da República de Moçambique, na Escola Prática de Matalane, no distrito de Marracuene, província de Maputo.

Discursando no acto, o Chefe do Estado afirmou que os jovens que estavam a terminar o curso básico, têm a grande responsabilidade de mostrarem a outros jovens que a sua missão é promover a disciplina, ética, patriotismo e respeito, e proteger Moçambique e os moçambicanos.

"O guarda policial que sai desta escola deve ter a consciência de que o cidadão deposita confiança nele. O cidadão deve encontrar a tranquilidade e deve ter a certeza de que está protegido e que os seus direitos estão assegurados e defendidos", afirmou o estadista.

Para o Chefe do Estado a cerimónia de encerramento apenas marca o fim de uma etapa, que é a fase de formação, abrindo, consequentemente, uma nova e mais empolgante página, que é a vida profissional.

"As duas fases são inseparáveis, pois não existe brio e profissionalismo que se alicercem apenas na teoria e na instrução, desprovida de prática. A fase que agora se inicia, permitirá a aplicação prática dos conhecimentos teóricos adquiridos e será, também, uma oportunidade de os condimentar com os ensinamentos que receberão nas comunidades", comunicou o Presidente Nyusi.

Noutra perspectiva, o Presidente da República afirmou que construir a cultura de Paz implica que cada um dos moçambicanas deve interiorizar, e assumir, como um modo de vida; implica o respeito pelos Direitos Humanos, liberdade de cada cidadão, tolerância, solidariedade e justiça.

"Significa ainda, renegar, a todo o custo e com todos os meios, os actos que tendem a exaltar o ódio, que motivam a violência, a discriminação e exclusão social, económica e cultural. Significa que, cada um de nós, na sua área de saber, deve contribuir com conhecimentos e trabalho para fortalecer a economia, aumentando a produção e produtividade, para tornar Moçambique uma Nação próspera", anotou o Chefe do Estado. (PR)